SmarTTY: Cliente SSH Multi-tabbed com Suporte SCP

SmarTTY é um cliente SSH multi-tabbed, gratuito, que suporta a cópia de arquivos e diretórios com SCP em modo “on-the-fly” e edição de arquivos “in-place”. A maioria dos servidores SSH pode suportar até 10 sub-sessões por conexão. Neste sentido, SmarTTY faz o melhor que estiver dentro de suas capacitações: independente de quantas janelas estiverem abertas, não há necessidade de fazer login de novo, basta abrir uma nova guia e seguir em frente.
No que diz respeito à transferência de arquivos de diretórios, existe a capacidade de explorar a estrutura de diretório remoto com GUI no estilo do Windows; fazer download e upload de arquivos individuais com protocolo SCP; transferir diretórios inteiros com SCP (em modo recursivo) e enviar rapidamente e receber diretórios com TAR “on-the-fly”. Quanto a edição de arquivos “in-place”, é preciso selecionar “File-> Open” para abrir uma aba do editor para um arquivo remoto: edição de arquivos nativos do Windows (em modo “look and feel”), CRLF automático à conversão LF e opção para invocar ‘sudo’ para salvar os arquivos protegidos.

Dentre as demais funcionalidades de SmarTTY, ele pode configurar automaticamente a autenticação de chave pública para computadores remotos selecionados. Assim, não existe a necessidade de digitar sua senha cada vez que fizer login. A chave privada estará bem guardada em um container de chave do Windows. Quanto à configuração de um clique de host remoto, a sua senha Unix não será armazenada em qualquer lugar. Importante ressaltar que SmarTTY vem com um servidor Xming X11 pré-construído. O servidor será configurado e iniciado em modo “on-the-fly”, logo que você lançar uma aplicação gráfica no terminal: a partir daí, aplicativos remotos X11 poderão ser executados em modo “out-of-the-box”. Não há necessidade de configurar nada manualmente.

Saiba Mais:

[1] The Hacker’s Tools http://www.kitploit.com/2015/05/smar…ient-with.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: